Posts Tagged ‘Ana Gomes’

Post feito de barriga cheia

Abril 14, 2009

Uma das vantagens de passar a Páscoa à terra (ao Minho) é que, para quem a vive, só lá parece ser vivida. Não há boa Páscoa há Santa Páscoa, há compassos, há Missas e foguetório, há Sexta-Feira Santa, sobretudo e para quem pãezinhos com menos sal é coisa impensável, um Sábado com um arroz de lampreia, cabrito e um domingo ainda mais pantagruélico, com ensopado de borrego, javali, cabrito, doce de ovos, pão-de-ló, tudo isto regado com vinho verde, verde tinto, tinto e mais não digo. Um festival de pecados que anularam as boas intenções da Quaresma.

A realidade, ainda que não toldada pelos excessos, parece-nos estranha. Para a boa gente que visitamos por estes dias, que encontramos na rua, tudo que por estes dias preocupa os mentideros políticos é coisa sem a menor importância, os cartazes de Manuela Ferreira Leite, uma coisa horrorosa para a qual não tenho explicação, de Vital Moreira, brilhante na personificação do que mais plástico e reverente o PS tem a oferecer ao país – a minha filha tem um barriguita igualzinho, juro! – o drama/tabu da escolha do cabeça de lista, da lista e sei lá mais o quê do PSD, as descabeladas diatribes de Ana Gomes… Nada disto importa. Há muito que perceberam que a Europa nada lhes diz, não sabem nem querem saber quem faz o quê e para quê na Europa.

Como hoje já sabem que Sócrates não se impressiona facilmente e uma eventual derrota nas Europeias não mudará uma vírgula naquela cabeça, que também não é agora que a coisa pode mudar, então para quê perder tempo com quem não perde tempo com eles? Fica para depois das férias, entretanto há que cuidar da vida que está muito complicada e se não mudou nada até agora bem se pode esperar mais um bocado.

A Ana Gomes já leu?

Setembro 4, 2008

Esta gente moderna, progressista, libertária, certamente cosmopolita, ainda não percebeu que uma mulher consegue ser aquilo que quiser ser, dados os seus talentos, independentemente da existência de filhos ou do estado civil.

Brilhante.

Ai tanto briiiilho jaasus!!!

Setembro 3, 2008

Enganei-me, a sempre alguém que consegue ir mais além … Ana Gomes a escrever sobre as eleições americanas revela todo o seu deslumbramento pacóvio perante a política americana. Rendeu-se a isto e aquilo, ao ponto de alinhar naquilo que jamais admitiria noutras circunstâncias, o seu texto sobre Palin não é ofensivo porque quase cómico se tivermos em conta a fonte. Fosse Palin a vice de Obama e seria giríssimo ler o que dali sairia.

No fundo Ana Gomes é uma entertainer, não se lhe pode levar a mal porque precisa de palco e tanta luz e estalinhos deram-lhe a volta à cabeça…já  lhe passa.