O Coeficiente da Ineficiência

A governabilidade das instituições, empresas e países depende da eficiência dos processos de decisão, seja nas administrações ou nos gabinetes ministeriais.

Northcote Parkison, acrescentou a esta ideia o seu Princípio do Coeficiente da Ineficiência, onde esclarecendo que os processos de decisão, dentro de grupos, dependem directamente do seu tamanho e afirmando que essa ligação implica que quanto maior o número de membros de um grupo maior a sua ineficiência. Parkison defendia que um gabinete com mais de 19/20 membros deixa de funcionar.

Claro que nada disto terá sido ponderado nos últimos 3 Governos se lermos o Relatório de Contas do TC de 2007, onde o Gabinete de um PM (entre 2003-2005) fadmitiu 148 pessoas, mas onde 19 gabinetes fizeram entre 30 a 40 admissões e só 5 se mantiveram entre os 13 e 17 membros admitidos. (pag. 82)

Pergunto-me o que pensaria Parkison se olhássemos para a composição dos Gabinetes de Governos anteriores.

Anúncios

Etiquetas: , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: