Solidariedade Vs Estupidos

André Abrantes Amaral toca no ponto fundamental do boa parte do discurso “social” da maioria dos líderes políticos nacionais, sobretudo dos líderes do centro-esquerda. A necessidade de acudir aos mais pobres sem no entanto abrir mão dos mecanismos estatais que permitam controlar a actividade económica revela-se, a cada dia que passa, um erro insuportável e a causa directa para o aumento do número de pessoas objecto dessa solidariedade social.

Uma necessidade que muitos ainda teimam ser justificável mesmo em face da total falência desses mesmos mecanismos.

Anúncios

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: